Os Dispositivos Móveis e a Educação: O Uso De Tablets na Visão de Alunos e Professores de Escolas Públicas do Recife-PE

  • Atualizado: 30 Janeiro 2015
  • Tamanho: 456.05 KB
  • Downloads: 38
  • Autoria: Viviane de Bona | Lícia de Souza Leão Maia

Resumo:  A  velocidade  do  desenvolvimento  de  tecnologias  móveis  (celular,  tablets, smartphones),  fomentou  a  demanda  da  sociedade  pela  incorporação  dessas ferramentas  no  contexto  educativo.  Tivemos  como  objetivo  neste  trabalho compreender como os alunos e professores utilizam dispositivos móveis, bem como o que modificou em suas práticas a partir da entrada destes recursos na escola. Os dados foram  coletados  por  meio  de  observações  realizadas  em  três  instituições   públicas  de ensino da cidade do Recife  –  PE. A inserção no contexto escolar, ocorreu com vistas a apreender os sentimentos dos alunos e professores quanto à presença das tecnologias neste  meio.  A  partir  da  análise  dos  registros  cursivos,  localizamos  os  paradoxos  da presença da tecnologia no cotidiano e os diferentes significados e práticas referentes a elas. Encontramos distintos posicionamentos: os alunos demonstram reações diversas relacionadas  à  presença  neste  contexto,  tornando  recorrente  o  uso  também  para momentos de lazer e atividades não direcionadas. Afirmam que as tecnologias auxiliam na aprendizagem. Percebemos que a presença destas ferramentas começa a constituir uma nova disposição física dos alunos na escola. Já os professores trazem conotações positivas  e  negativas  que  parecem  justificar  a  não  utilização  em  sua  prática  docente, mesmo com a presença do recurso na própria sala de aula.

Palavras-chave:  tecnologias  da  comunicação  e  informação;  aluno;  tablets;  prática docente.